1 minuto de silêncio pela piada sem graça!

Olá meus fofuchos, como vão?

Desde que comecei a faculdade fiz muitos amigos novos, principalmente na minha van (na verdade no meu micro, porque sou TOP). É claro que esses novos amigos também não perdem uma zoeira (porque será que eu gosto tanto deles né). Uma das coisas que eles mais gostam de fazer é contar umas piadas muito sem graça. Sério, são ridículas (tanto que até chegam a ser… Ridículas). Para variar, a viciada no Três beijos aqui decidiu transformar tudo em post (obvio). Fiz questão de preparar uma lista com as pérolas da comédia que ouço todos os dias. Fiquem com elas:

1 – P: O que é um ponto preto no fundo da piscina?

      R: D’Black sem ar (HA-HA-HA)

2 – P: Porque os policiais não gostam de sabão em pó?

      R: Porque eles gostam de deter gente (entenderam? deter gente, detergente… que droga).

3 – P: O que o feijão disse para o outro?

      R: Nossa, como você é “fei Jão” (Vocês estão vendo o nível né)

4 – P: O que o Goku foi fazer na Renner?

      R: Foi comprar uma super saia jeans (Que isso hein jovem, um prodígio do stand up)

5 – P: O que Arnold Schwarzenegger disse para o técnico em informática?

      R: Instala vista, Baby!

6 – P: O Inri Cristo foi para os Estados Unidos. Qual é o nome do filme?

      R: American Páááái! (Nossa, que engraçado)

Well, por hoje é só people. Talvez eu faça uma segunda parte dessas piadas, caso surja algo novo. Fiquem com Ganesha. Beijo na bunda paçocas. Tchau

Três beijos, Débora Carvalho

Advertisements

Minha futura paçoca

Talvez a minha futura paçoca seja aquele menino da igreja, ou aquele rapaz que sempre estava perto e eu nunca reparei. Quem sabe não seja o garoto que trabalha na padaria da esquina de casa (que faz guloseimas deliciosas), ou aquele amigo de infância com quem eu brincava de amarelinha e pique esconde na rua. E por que não pensar no meu melhor amigo? muitos romances começam pela amizade. Tem também aquele com quem sonho todas as noites, o cara com defeitos e qualidades que irão me completar.

A minha paçoca tem que ser diferente. Alguém que faça com que eu me entregue completamente. Que me escute e leia os meus textos (mesmo os “sem sentido”). Tem que me apoiar sempre e me consolar no final de um filme triste. Não pode se igualar a nenhum outro que fingiu ser minha paçoca e no final não passava de cascas torradas de amendoim (sim, cascas. Tentei pensar em algum alimento ruim feito com amendoim, mas não consegui *–*)

Eu iria adorar se ele sonhasse em  conhecer Londres, para poder ir junto comigo visitar a terra da rainha (e fazer um flash mob com o batalhão de infantaria, durante a troca da guarda real). Seria ótimo um passeio com ele na london eye, a noite, só para ver Londres brilhar sobre o céu estrelado. Ah, e aquele beijo na chuva? bom, na Inglaterra isso teria mais chance de acontecer.

A minha futura paçoca, precisa ter um bom gosto musical. Tem que saber falar, pensar e até escrever sobre algo tão nobre, chamado amor. Não pode ter vergonha de se declarar e expor tudo o que sente.

Eu realmente quero muito encontra-lo. Não me importo se ele for o garoto da padaria (ele faz uns pudins maravilhosos, além de ser gatinho),  ou o rapaz da igreja (pelo menos tem uma fé parecida com a minha). Sei que em breve vamos nos conhecer de uma maneira diferente (até mesmo se ele for o meu melhor amigo) e espero ansiosamente por esse dia. O dia que terei minha paçoca só para mim e pode ter certeza que não vou dividir com ninguém mais.

Tres beijos, Keila Pereira.

Alice manda três beijos

Olá queridos leitores… ok. Isso não soou muito coisa de Debs, então vou começar novamente.

Hi people! (bem melhor)

Hoje nós vamos apresentar uma personagem que criamos. Ela será a garota Três beijos. A nossa garota “propaganda”. Terá vida propria, com caracteristicas que lembram, de alguma forma, cada uma das nossas blogueiras. Conheçam então Alice:

1

Alice é uma jovem sonhador. Adora londres, all-star e paçocas (e não podia ser diferente). É alegre, extrovertida, sarcástica e adora escrever. Já passou por diversas situações na vida, algumas engraçadas, outras tristes. Mas tudo é valido.

Postaremos vários textos sobre a vida empolgante dela. Esperamos que gostem

Três beijos, Débora Carvalho